domingo, junho 26

Estupenda Trupe celebra dia dos professores em projeto TEAR

Pinterest LinkedIn Tumblr +

Estupenda Trupe de Brasília celebra dia dos professores em projeto TEAR e se junta ao Coletivo Esperanza para concorrer no Prêmio Funarte Festival de Teatro Virtual com o espetáculo Bodas de Sangue

Peça estará em cartaz nesta quinta-feira, às 18h30, no canal da Funarte. Gratuito. Não recomendado para menores de 12 anos.

Fotos: Divulgação

No mês em que se celebra o Dia do Professor (15 de outubro), a Estupenda Trupe de Brasília se destaca pelo projeto social-educativo implantado na região administrativa de São Sebastião. Criado pelos artistas e arte-educadores Tiago Venusto – hoje o diretor da Cia. – Alana Ferrigno, Beta Rangel, Carlos Valença e Lucorina, o projeto TEAR (Troca de Experiências Artísticas e Reinserção) chega a sua 3ª edição com a missão de levar, mais uma vez, arte para adolescentes em conflito com a Lei e seus familiares. A iniciativa que já conta com nove anos de história está realizando oficinais gratuitas na ONG Promovida de São Sebastião e, também, na Unidade de Internação da cidade – UISS.  As aulas vão até o fim de novembro de 2021 e voltam no primeiro semestre de 2022. O segundo módulo será no Instituto Federal de Brasília – São Sebastião e, ao final do processo, os alunos irão mostrar os seus trabalhos em exposição.

E os artistas que já contam com 16 anos de grupo não param. Além de estarem lecionando no TEAR, eles foram convidados pelo Coletivo Esperanza para participar do espetáculo on-line Bodas de Sangue. A peça construída em parceria foi selecionada para o  Festival de Teatro Virtual da Funarte e estará em cartaz nesta quinta-feira, 14 de outubro, às 18h30, no canal da Fundação no YouTube (www.youtube.com/funarte).  Gratuito. Não recomendado para menores de 12 anos.

Bodas de Sangue é um espetáculo feito com a parceria do Coletivo Esperanza, da Estupenda Trupe, ambas companhias da capital federal, e da produtora Merun Filmes e da APT7 Filmes, ambas também produtoras local.

Baseada no clássico eterno de García Lorca (1898-1936), a adaptação Bodas de Sangue conta a história de uma noiva que foge com o seu amor do passado, Leonardo Felix, no dia do seu casamento. O noivo, rejeitado e enfurecido, sai à caça do casal. Ao encontrá-los, noivo e amante travam uma briga que acaba em morte trágica aos pés da mulher amada.

“Fizemos em três atos essa peça que tem como foco a figura feminina. Na adaptação para o on-line valemos de recursos audiovisuais, mas sem deixar a linguagem teatral de lado”, destaca o diretor Tiago Venusto.

Em cena estão as atrizes Alzira Bosaipo, Glednna Fernanda, Beta Range e Alana

Ferrigno. A peça passou também pelo Festival de Teatro BC Em Cena (Festival de Balneário Camboriú, de Santa Catarina). Agora, foi selecionada para ser uma das cinco representantes do Centro-Oeste no Prêmio Funarte Festival de Teatro Virtual.

Sobre o TEAR

O Tear – Ano III integra um plano de ação em medidas socioeducativas aplicadas à adolescentes autores de ato infracional por meio da Metodologia do Tetro do Oprimido, de Augusto Boal. A iniciativa que já tem nove anos de história e já passou por Planaltina e São Sebastião, está de volta agora a esta região administrativa. Por lá, adolescentes e familiares irão receber oficinais realizadas pelos atores/diretor da Estupenda. As aulas, divididas em dois módulos, começam em setembro de 2021 e finalizam a primeira etapa em novembro, com retorno em janeiro de 2022. O TEAR 3ª edição será realizado dentro da ONG Promovida, de São Sebastião, e também, dentro da Unidade de Internação da cidade – UISS.  O segundo módulo será no Instituto Federal de Brasília – São Sebastião.

Foto: Tear – Arquivo Pessoal

Dentro das oficinas, os alunos serão incentivados a pintar, atuar e, principalmente, a se reconectar pela potência transformadora da arte.

“É um projeto que temos muito carinho. Levamos a metodologia do Teatro do Oprimido para adolescentes em conflito com a lei pois acreditamos no poder de transformação social por meio da arte. Transformando a nossa realidade conseguimos transformar quem está ao nosso redor. E, nestes anos, vimos adolescentes sem perspectivas, marginalizados ou sem família, ou com pai ou mãe traficantes, que precisavam desta ressignificação. É transformador ver a reação deles e também da família”, pontua, feliz, o ator Carlos Valença.

Ao final do projeto, todos os alunos e seus familiares serão convidados a expor os trabalhos desenvolvidos. As aulas são ministradas sempre às terças-feiras, das 14h às 17h.

A 3ª edição do Tear conta com o patrocínio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal por meio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC-DF). Apoio: Sesc Garagem, Centro do Teatro do Oprimido e IFB – São Sebastião.

Bodas de Sangue –

Apresentação: 14 de outubro, quinta-feira

Horário: 18h30

Assista em: www.youtube.com/funarte

TEAR –

De setembro a novembro de 2021. Volta em janeiro de 2022

Sempre às terças-feiras

Horário: 14h às 17h

Local: São Sebastião

Siga a Trupe: Instagram: @estupendatrupe e no site:  www.estupenda.net

Share.

About Author

Gaúcho de nascimento, brasiliense de coração. Economista, 23 anos, amante de viagens e gastronomia. instagram: @davirezende__

Deixe uma resposta